Oracle Red Bull Racing: alta performance nas pistas, alto engajamento com fãs de Fórmula 1

“A humanidade está preparada para acompanhar a velocidade exponencial da tecnologia?”. Foi com essa pergunta que Gabriel Vallejo, Vice-Presidente de Marketing e Operações América Latina da Oracle, iniciou uma palestra sobre aplicação de inteligência artificial a favor dos negócios, com destaque para a tecnologia em nuvem, uma das especialidades da companhia. Vallejo destacou que o grande volume de dados coletados no universo online ainda desafia gestores de empresas do mundo inteiro: “Vivemos em uma era com abundância de dados que pode nos afogar, é preciso lançar mão da inteligência tecnológica para gerir esses dados e tomar decisões assertivas”.

O público que prestigiou a palestra pôde conhecer mais detalhes do Oracle Red Bull Racing, solução em nuvem que a gigante de tecnologia desenvolveu para que a escuderia pudesse otimizar o resultado de carros e pilotos nas pistas. Usando dados e inteligência artificial, a plataforma permite simulações de corridas, faz análises preditivas do funcionamento dos carros e cruza milhares de informações para criar uma estratégia de alta performance. Esta é só a ponta de um negócio que desperta muito mais do que o espírito esportivo: a partir do Oracle Red Bull Racing, a escuderia atingiu um novo patamar no relacionamento com os fãs, entregando experiências personalizadas. “Usando tecnologia, conseguimos mais do que performance nas pistas: fizemos com que o esporte seja ainda mais sedutor e empolgante para quem acompanha. Acredito que essa seja uma missão de todos os negócios, encantar clientes acima de tudo”, destacou Vallejo.

Texto: Básica Comunicações

Fotos: Fábio Ortolan, Fernando de Souza e Brunno Covello